Mapa ilustrado de Caruaru vira guia de turismo da cidade

Aproveitando o grande fluxo de turistas que circulam por Caruaru no mês de junho, a Prefeitura Municipal, através da Gerência de Turismo, criou um folder com um mapa ilustrado, contendo os principais pontos turísticos, culturais e históricos da cidade, que será distribuído nos pontos de maior visitação do município.

 

O material está sendo entregue em toda a rede hoteleira e museus do município, além dos quatro Centros de Atendimento ao Turista (CAT), que ficam no Alto do Moura, na Feira de Artesanato, no Monte Bom Jesus – recém-inaugurado e na Estação Ferroviária – durante os festejos juninos.

 

O mapa contém legendas indicando os principais hotéis da cidade, além de monumentos históricos e um exclusivo com as 16 feiras que fazem parte da Feira de Caruaru. O Alto do Moura também ganha destaque no material, com uma página dedicada inteiramente ao local, além de legenda com 12 memoriais de famílias tradicionais na arte do barro.

 

Quem assina a obra é o designer Terciano Torres, que, ao tratado visual e geográfico, agrega personagens e elementos que marcam a identidade dos lugares, com passagens que contam o diferencial de cada época retratada, com graça e humor. Os estudos de arquitetura na juventude e o apuro para o desenho livre e de ilustração foram fatores importantes para catalisar uma linguagem própria. O artista soube unir esses valores à pesquisa histórica para desenvolver uma obra refinada em detalhes, cujo levantamento do repertório visual e dos fatos da época fazem toda a diferença.

 

Sobre os CAT’s – Atualmente, há quatro Centros de Atendimento ao Turista em Caruaru. No mês de junho, eles operam com um horário diferenciado. O CAT da Estação Ferroviária, em funcionamento apenas na festa junina, está aberto ao público de quarta a domingo, das 14h à 0h. Os centros do Alto do Moura, da Feira de Artesanato e o recém-inaugurado no Monte Bom Jesus funcionam de terça a domingo, das 9h às 18h. Os CAT’s oferecem informações sobre hotéis e pousadas, restaurantes, programação de todos os polos e venda de souvenirs com a identidade do São João, como canecas, squeezes, camisas e canetas.